Usina de Letras
Usina de Letras
23 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 62476 )
Cartas ( 21336)
Contos (13274)
Cordel (10453)
Crônicas (22547)
Discursos (3241)
Ensaios - (10470)
Erótico (13578)
Frases (50863)
Humor (20083)
Infantil (5499)
Infanto Juvenil (4821)
Letras de Música (5465)
Peça de Teatro (1377)
Poesias (140908)
Redação (3323)
Roteiro de Filme ou Novela (1064)
Teses / Monologos (2437)
Textos Jurídicos (1962)
Textos Religiosos/Sermões (6251)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Poesias-->Sofrimentos repetentes -- 06/10/2003 - 12:14 (Elpídio de Toledo) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
Clic"ali,oh:=>>>Menstruações



























Em geral, o sofrimento

tem um matiz coletivo

e outro, sem acrescento,

individual, mais vivo.



Sofrimento pessoal

das emoções resulta,

da vivência natural

do passado, que avulta.



Sofrimento coletivo

é o que se acumula,

de modo mais progressivo,

pelos tempos.; perambula



na psique das criaturas,

através de crueldades,

doenças, guerras, loucuras,

torturas, só com maldades...



Sofrimento pessoal,

também, desse coletivo

participa, forja mal,

pra que seja recidivo.



Por exemplo, certas raças

ou países, onde crescem

formas extremas de jaças,

de violência padecem —



sofrimento coletivo —

com maior intensidade.

Quando alguém, inda vivo,

não suporta mais maldade,





e não está consciente

pra dela se desligar,

torna-se um repetente.;

ela sempre vai voltar.



Ele vítima será

ou se tornará autor

de outro mal, que dará

novo acumulador.



Mas o mesmo sofredor

será um iluminado

em potencial, na dor,

por estar mais motivado.



Claro que potencial

nem sempre se realiza,

mas, se se tem sonho mal,

sua força catalisa



a ação do despertar.;

bem melhor do que alguém

que acabou de sonhar

um sonho leve também.







Clic"ali,oh:===>>>Como jogar o tênis melhor que o Guga









































Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui