Usina de Letras
Usina de Letras
69 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59512 )

Cartas ( 21247)

Contos (13248)

Cordel (10311)

Crônicas (22245)

Discursos (3166)

Ensaios - (9500)

Erótico (13497)

Frases (46983)

Humor (19364)

Infantil (4541)

Infanto Juvenil (3845)

Letras de Música (5495)

Peça de Teatro (1339)

Poesias (138579)

Redação (3071)

Roteiro de Filme ou Novela (1060)

Teses / Monologos (2430)

Textos Jurídicos (1946)

Textos Religiosos/Sermões (5608)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Artigos-->Comprador de ilusões* -- 18/11/2020 - 17:12 (Benedito Pereira da Costa) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos

Comprador de ilusões*



Quem compra sonho (fantasia, ilusão, utopia) perde o recurso econômico, não mais o encontra facilmente e pode perder até a vida. Em outras palavras: acaba impossibilitado de contrair aquisições fantásticas.  



Sonho não se compra, conquista, realiza, torna-se objetivo (não obcessivo, mas possível de atingir). Sempre dentro do ponto de vista: algum negócio (ou atividade) só é bom quando os dois lados ganham. Como diz a crendice popular: "Não há almoço de graça!" Fuja dele, portanto.



Comprador de sonhos termina, quase sempre, em hospital/clínica para tratar de desequilíbrio da mente (e por que não do espírito?), quando não dos dois!



Aquele que deseja ganhar muito corre o risco de perder bastante também: às vezes, tudo!



* Brasília, DF, 18/11/2020. 


Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Perfil do AutorSeguidores: 24Exibido 61 vezesFale com o autor