Usina de Letras
Usina de Letras
55 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59535 )

Cartas ( 21249)

Contos (13255)

Cordel (10311)

Crônicas (22246)

Discursos (3167)

Ensaios - (9502)

Erótico (13498)

Frases (47007)

Humor (19368)

Infantil (4542)

Infanto Juvenil (3857)

Letras de Música (5495)

Peça de Teatro (1339)

Poesias (138618)

Redação (3072)

Roteiro de Filme ou Novela (1060)

Teses / Monologos (2430)

Textos Jurídicos (1946)

Textos Religiosos/Sermões (5613)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Artigos-->Oh! e Ó* -- 15/06/2021 - 19:00 (Benedito Pereira da Costa) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos

Oh! e Ó*



Oh! expressa estes sentimentos:



admiração              cáspite! puxa! quê! safa!



alegria                    ah! eh! oh!



animação               coragem! eia! sus! 



apelo                      alô! olá! ó,  psit! pitsiu! socorro! 



aplauso                  apoiado! bravo!



aversão                  apre! chi! ih! irra!



desejo!                   oxalá! tomara!



depreciação           eco



dor                         ai! ui!



espanto                  hem! puxa!



impaciência            puxa!



interrogação           hem!



náusea                   eco!



nojo                        eco!



pavor                      ai! nossa! 



piedade                  oh!



silêncio!                  psist! psiu! claluda! 



tristeza                   puxa! 



Requer sempre o ponto de exclamação. Ex.: oh! quanta gente!



"De todas as exclamações nenhuma se apresenta com uso tão frequente e sentido tão variado como a interjeição oh!. Basta modificar o tom de voz para cada caso particular e ela denotará alegria, tristeza, pavor, nojo, espanto, admiração, piedade etc." (Said Ali, citado por Napoleão Mendes de Almeida, in "Gramática Metódica de Língua Portuguesa", 33ª edição, São Paulo, Saraiva, 1985, p. 365).  



[Os gatos, no seu mundo auditivo, conseguem separar os sentimentos expressos pelos humanos por meio das diversas interjeições, ou seja: pelo tom da voz.]  



O "ó", de apelo, interjeição que entra facultativamente no vocativo, não admite depois de si o ponto de exclamação: "Vem, pois, ó morte, ao nada me trasnporta!" (Francisco Otaviano).   



* Brasília, DF, 15/06/2021.   



 



 



 



 



     


Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Perfil do AutorSeguidores: 24Exibido 21 vezesFale com o autor