Usina de Letras
Usina de Letras
33 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 62475 )
Cartas ( 21336)
Contos (13274)
Cordel (10453)
Crônicas (22547)
Discursos (3241)
Ensaios - (10470)
Erótico (13578)
Frases (50863)
Humor (20083)
Infantil (5499)
Infanto Juvenil (4821)
Letras de Música (5465)
Peça de Teatro (1377)
Poesias (140908)
Redação (3323)
Roteiro de Filme ou Novela (1064)
Teses / Monologos (2437)
Textos Jurídicos (1962)
Textos Religiosos/Sermões (6250)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Poesias-->Choro qual orvalho -- 11/11/2003 - 06:31 (Elpídio de Toledo) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
Clic"ali, oh:=>>>Pára, Nóia

















Tim, se você está mal,

insatisfeito, sofrendo,

se é isso seu normal,

o dia todo gemendo,



por quê você não se rende?

Por quê não se entregar?

De quê mais você depende?

Você quer assim ficar?



Você precisa quebrar

seu padrão d"inconsciência

para isso acabar.

Essa sua resistência...



Tome uma atitude,

inicie a mudança,

com toda solicitude

enfrente o que lhe cansa.



Mas, simultaneamente,

ao Agora se entregue,

não fique mais resistente,

ao mundo não se apegue.



Se você se entregar,

uma energia vem

pra tudo iluminar

o fazer que você tem.



A entrega nos religa

à fonte de energia

do Ser. E, caso prossiga,

você nela, então, fia.



Se tornar suas ações

impregnadas do Agora,

virão grandes vibrações

que serão sua escora.



Se você não resistir,

sua consciência cresce,

e tudo que produzir

tem mais valor, resplandece.



Os resultados dirão

por si mesmos. Vão refletir

essa modificação,

esse seu não-resistir.



Esta "ação de entrega"

substitui o seu "trabalho",

esta palavra que cega,

faz-nos chorar qual orvalho.



A consciência que vem

é que vai determinar

seu futuro e, também,

o que vai necessitar.



Assim, o que só lhe resta

é entregar-se com fé,

para transformar em festa

seu hoje, o que não é.





Clic"ali,oh:=>>>Perdôo-me











Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui