Usina de Letras
Usina de Letras
70 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59789 )

Cartas ( 21259)

Contos (13362)

Cordel (10327)

Cronicas (22226)

Discursos (3173)

Ensaios - (9570)

Erótico (13486)

Frases (47424)

Humor (19436)

Infantil (4671)

Infanto Juvenil (3997)

Letras de Música (5497)

Peça de Teatro (1340)

Poesias (138951)

Redação (3078)

Roteiro de Filme ou Novela (1061)

Teses / Monologos (2435)

Textos Jurídicos (1946)

Textos Religiosos/Sermões (5694)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Poesias-->VOCÊ SE FOI -- 21/12/2002 - 14:30 (Adilson Marcel Pivanti) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
VOCÊ SE FOI



QUANDO VOCÊ E EU NOS CONHECEMOS

NÃO PENSEI QUE IA TE AMAR TANTO ASSIM

NADA TINHA O PODER DE NOS SEPARAR

NOSSO AMOR SE TORNAVA IMENSO



E AGORA PARECE QUE ALGO MUDOU

O AMOR NÃO É O MESMO

E O QUE NÃO ESPERÁVAMOS ACONTECEU

VOCÊ FOI EMBORA, TUDO ACABOU



ME DEIXOU TÃO SÓ, CHORANDO

POR QUE ISSO ACONTECEU?

DE UM AMOR TÃO GRANDE

SÓ RESTARAM LEMBRANÇAS



FICO AQUI SOZINHO PENSANDO EM VOCÊ

IMAGINANDO O QUE ESTARÁ FAZENDO

SERÁ QUE ESTÁ PENSANDO EM MIM

COMO PENSO EM VOCÊ A CADA SEGUNDO



PASSO NOITES EM CLARO

SENTINDO A SUA FALTA

MÁSS SEI QUE UM DIA NOVAMENTE

ESTAREMOS JUNTOS



DESSA VEZ PARA SEMPRE

NOSSO AMOR QUE É TÃO GRANDE

JAMAIS TERÁ FIM

PORQUE UM AMOR VERDADEIRO JAMAIS ACABA



Comentarios
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui