Usina de Letras
Usina de Letras
59 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 60283 )

Cartas ( 21285)

Contos (13379)

Cordel (10352)

Cronicas (22252)

Discursos (3187)

Ensaios - (9687)

Erótico (13520)

Frases (48078)

Humor (19493)

Infantil (4786)

Infanto Juvenil (4142)

Letras de Música (5497)

Peça de Teatro (1344)

Poesias (139180)

Redação (3100)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2436)

Textos Jurídicos (1949)

Textos Religiosos/Sermões (5773)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Artigos-->BATEU ASAS E NÃO VOLTOU MAISS -- 15/05/2022 - 22:25 (Renato Souza Ferraz) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos

BATEU ASAS E NÃO VOLTOU

Renato Ferraz

 

Amanhecia esbanjando alegria

Continuava durante todo o dia.

Nada se comparava à melodia do seu canto.

Era incomum, amava a liberdade

Se expressava com o olhar!

Era impressionante como se vestia

Bateu asas e desapareceu.

Não se teve mais notícias suas.

A ausência deixou saudade.

Alegrava a alma de quem o ouvia.

Dava um sentido diferente à vida.

Era apaixonante, tinha um olhar misterioso.

Encantador, tinha o semblante de uma criança.

Transmitia um cheiro de primavera

Deixou um vazio na extensão do tempo.

Daquele que corta o coração.

Procura-se uma explicação.

Deixou marcas que custarão a cicatrizar.

Sua presença era inevitavelmente marcante.

O que vinha de seu interior impressionava

Despertava a curiosidade de quem o olhasse  

Havia insinuações de quem ela era...

Não era mesmo um simples pássaro!

Comentarios
Perfil do AutorSeguidores: 3Exibido 123 vezesFale com o autor