Usina de Letras
Usina de Letras
29 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 62475 )
Cartas ( 21336)
Contos (13274)
Cordel (10453)
Crônicas (22547)
Discursos (3241)
Ensaios - (10470)
Erótico (13578)
Frases (50861)
Humor (20083)
Infantil (5499)
Infanto Juvenil (4821)
Letras de Música (5465)
Peça de Teatro (1377)
Poesias (140903)
Redação (3323)
Roteiro de Filme ou Novela (1064)
Teses / Monologos (2437)
Textos Jurídicos (1962)
Textos Religiosos/Sermões (6250)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Poesias-->Diga sim a est instante -- 08/12/2003 - 21:56 (Elpídio de Toledo) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
Veja antes: Os dois lados do dindin























Sofrimento, em geral,

é um mal desnecessário.

Ele surge natural

no pensar hereditário



como não-aceitação,

a incônscia resistência

a uma situação,

ao que é, em evidência.



Em nível de pensamento,

resistir é um julgar.

Na emoção do momento,

resistir é um negar.



Quanto mais nós respeitamos

o Agora, sem peitar

a mente, mais nos livramos

do sofrer pelo pensar.



A mente resiste e nega

o Agora, por estar

ligada ao tempo, cega,

que se foi e que virá.



Mente teme o Agora,

mas o que põe em revista,

ou o futuro, adora

de modo exclusivista.



O Agora só é visto

como grande ameaça.;

considera o revisto

e o que ainda caça.



Terra sem vida humana,

só com plantas, animais,

não teria cachimana

para mentes temporais.



E passado e futuro

entre animal e planta

seria grande escuro,

pois Agora os encanta.



Para águia ou carvalho,

a hora é o Agora,

para semente do alho

nunca o tempo vigora.



Precisamos, é bem certo,

do tempo e do pensar,

sem o controle esperto

e males que vão gerar.



Se assumem o controle,

vêm mágoa e sofrer,

problemas, só descontrole,

querem algo esconder:



tudo que está no Ser,

nossa criatividade,

o infinito poder,

Agora, vitalidade.



Sofremos ao ignorar

cada instante notável,

ou ao querermos estar

num futuro agradável.



Para não sofrermos mais,

tempo não criamos além

do necessário, jamais,

para um existir bem.



Saborear o Agora

é o grande compromisso,

que o tempo não devora,

de quem não é um omisso.



O Agora é o foco

principal da sua vida.

Se o tempo era bloco

que causava só ferida,



fixe sua atenção,

a lógica invertendo,

seja a nova versão,

o Agora que vem tendo.



Diga "sim" a est"instante,

sem ser nunca insensato,

não resista ao pensante,

não lhe faça desacato.



Não se oponha à vida!

Ao que Agora já é

diga "sim", já, de partida,

e assuma sua fé.



Diga "sim" para que ela

trabalhe em seu favor,

abrindo nova janela,

vendo o Ser com louvor.









Veja a seguir: Abra seu presente











Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui