Usina de Letras
Usina de Letras
30 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 62484 )
Cartas ( 21336)
Contos (13274)
Cordel (10453)
Crônicas (22547)
Discursos (3241)
Ensaios - (10471)
Erótico (13578)
Frases (50871)
Humor (20083)
Infantil (5503)
Infanto Juvenil (4822)
Letras de Música (5465)
Peça de Teatro (1377)
Poesias (140912)
Redação (3323)
Roteiro de Filme ou Novela (1064)
Teses / Monologos (2437)
Textos Jurídicos (1962)
Textos Religiosos/Sermões (6251)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Cordel-->BIG BROTHER BRASIL -- 13/07/2006 - 10:45 (HENRIQUE CESAR PINHEIRO) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
BIG BROTHER BRASIL


Esse tal de Big Brother Brasil
Só serve para enganar bobo
Criado pela tal rede Globo
É um programa de imbecil
Feito dentro de um covil
Numa semana apuram milhões
Recebendo muitas ligações
Com votos dos telespectadores
Enganando os trabalhadores
Com as escolhas dos paredões

Nas ruas fazem entrevistas
Logo aparecem opiniões
De um monte de bobões
Que pensam ser artistas
Que a emissora conquista
Na busca por mais audiência
E haja muita paciência
Pra aturar tal programação
Verdadeira desinformação
Mas tem muita assistência

Povo reclama dos políticos
Melhoria nas condições sociais
Mas ele mesmo não vai atrás
Prefere pagar pra ver fuxico
O dinheiro joga no penico
Porque essa merda de programa
Nem a quem participa dá fama
Só aumenta nossa ignorância
Da emissora a sua ganância
Porque do povo tudo mama

Transforma nossa pobre gente
Num grande bando de jumento
Sem qualquer um discernimento
Porque pessoas inteligentes
Não assistem coisas indecentes
Que aumenta mais a violência
Tudo isso pela influência
Nefasta da tal televisão
Das novelas, filmes de ação
Tudo virou uma excrescência

O programa do Pedro Bial
Capacho da família Marinho
Que vive lá dentro de seu ninho
Que está a serviço do mal
Coisa desta colônia global
Veja aquele bando de artistas
Roubando os pobres pensionistas
Na cara muita felicidade
Destila toda a sua crueldade
E ainda roubam dos avalistas

De toda a sua programação
Big Brother é o de mais falsidade
E de maior imbecilidade
Do Fantástico ao Domingão
E também jogos da seleção
São uns programas insuportáveis
Todos eles muito detestáveis
Não se salvam nem as reportagens
Que são só pura bobagens
Muitas vezes são infindáveis

Ouvindo aquelas conversas
Tudo é pura falsidade
Na maior desonestidade
Coisa que não me interessa
Desligo a tv às pressas
Meu ouvido não é pinico
Pra ouvir tanto mexerico
É grande falta de respeito
Todos nós estamos sujeitos
Ver aquilo dá tremelico

Mas isso é em todo Brasil
Os programas de televisão
Só corrompem nosso cidadão
Veja a Ana Maria Braga
Com o seu programa muito brega
Depois a tal de rainha Xuxa
Que está muito mais pra bruxa
Todos ganham monte de milhão
E o povo não tem nem do pão
Que pra eles não passa de bucha


HENRIQUE CÉSAR PINHEIRO
FEVEREIRO/2006
Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Perfil do AutorSeguidores: 197Exibido 1158 vezesFale com o autor