Usina de Letras
Usina de Letras
53 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 60373 )

Cartas ( 21289)

Contos (13387)

Cordel (10358)

Cronicas (22278)

Discursos (3194)

Ensaios - (9718)

Erótico (13520)

Frases (48263)

Humor (19556)

Infantil (4831)

Infanto Juvenil (4181)

Letras de Música (5497)

Peça de Teatro (1345)

Poesias (139380)

Redação (3120)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2438)

Textos Jurídicos (1949)

Textos Religiosos/Sermões (5812)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Contos-->Dezessete -- 02/12/2003 - 17:07 (A. Vicente) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
Os cabelos dela estavam exalando pequenas partículas de shampoo de erva-doce ao sabor do vento que se misturavam de forma enebriante com um perfume ainda não identificado por ele.

- Chá verde!

Menos um mistério. O nome, Camila, ouvira no meio de uma conversa rápida dela com uma amiga. Já sabia que tinha dezessete e calçava trinta e cinco. Filha única, mimada. Fácil de descobrir. Foi o pai quem a deixou com sua Land Rover na porta do show.

O difícil era, pela jeito abusado da menina, saber o porquê dela estar naquele show para adolescentes. Dava para notar que sua alma era velha. Por que não uma apresentação de chorinho? Certo, mas Mário já estava na casa dos vinte e sete. O que ele estava fazindo ali? Simples: pegar gostosinhas como a Camila.

Garotas com aquelas roupas decotadíssimas e jeitinho de perva quando olhava de lado procurando alguém. Dezessete anos muito bem vividos. Hoje seria apenas mais um capítulo.

- Time is up!

Cinco minutos já era tempo suficiente. Nem Sherlock acertaria tão rápido, pensou. Virou-se, deu cinco passos e sem hesitações foi direto apalpar aquela bundinha. Carne macia, sem furos. Prazer efêmero seguido pelo primeiro tapa em bullet time da História.

Mas Mário contornou o escândalo saindo de mansinho. A culpa não era dele, mas do modelo de pesquisa caquético adotado. Se Sherlock era tão bom quanto diziam, porque não conseguiu descobrir a identidade de Jack, o estripador?

Bola pra frente. O show de chorinho estava apenas a 10 minutos de carro. E lá tem muita menina cabeça que adora uma sacanagem por baixo daquelas mesas de madeira.
Comentarios
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui